Notícia

Prêmio Empresário do Ano ACIM

terça, 01 de outubro de 2019
Prêmio Empresário do Ano ACIM

 Presidente Rafael Canali representa CACINOR na entrega do Prêmio Empresário do Ano para Wellington Ferreira, presidente da Sicredi União PR/SP, coroa uma trajetória de sucesso que fez da cooperativa de crédito a quarta maior do Brasil. A homenagem foi no dia 13 de setembro, no Fashion Hall, num evento que reuniu mil pessoas, como os deputados federais Enio Verri, Luiz Nishimori e Ricardo Barros, prefeito Ulisses Maia, vereadores, o presidente da Ocepar, José Roberto Ricken, entre outros presidentes de entidades de classe. O prêmio é concedido anualmente pela ACIM, Sivamar, Apras e Fiep.
  Ferreira preside a Sicredi União desde 1997. A cooperativa iniciou a trajetória em 1985, reunindo 24 produtores rurais. Com mais de R$ 3 bilhões em recursos totais e R$ 2 bilhões em crédito, tem mais de 220 mil associados e 101 agências, número que chegará a 116 até o final do ano.
  Em seu discurso, o presidente da ACIM, Michel Felippe Soares, destacou que “estamos homenageando um dos grandes incentivadores do cooperativismo de crédito do Brasil. Wellington é um homem empreendedor, que sempre acreditou e ajudou a colocar em prática a ideia de que o cooperativismo tem um papel transformador nas comunidades. Sua fé e seu empreendedorismo foram decisivos para superar os obstáculos. Wellington assumiu uma cooperativa que hoje é a maior do Sistema Sicredi, que pulou de 22 para 1,3 mil colaboradores e subiu de nove para mais de cem agências”.
 Já o presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, destacou as virtudes de um líder. “Ensina o que sabe, pratica o que ensina com coerência e ética, pergunta o que não sabe, demonstrando humildade, forma outros líderes em vez de seguidores, é autêntico, generoso, cooperativo e tem como maior virtude a simplicidade. Este é o Wellington”.
 
Em seu discurso, o prefeito Ulisses Maia destacou o “desejo sincero de Wellington Ferreira de mudar o mundo. Há mais de 30 anos ele atua pelo desenvolvimento da nossa cidade, ajudando a transformar o sistema financeiro do Brasil. É uma merecida honraria”.
 Depois, o certificado do prêmio foi entregue ao homenageado pelos representantes das quatro entidades promotoras: Michel Felippe Soares, da ACIM; Ali Wardani, do Sivamar; Carlos Walter Martins Pedro, da Fiep; e Tarley Kotsifas, da Apras. Já o troféu do prêmio foi entregue pelo Empresário do Ano de 2018, Gilmar Leal Santos.
 Emocionado, Ferreira agradeceu as entidades promotoras do prêmio, patrocinadores, familiares e colaboradores. “Agradeço a Deus por tudo o que ele fez em minha vida. Agradeço minha família, por ser inspiração. Acreditava que minha missão era deixar um mundo melhor, mas Deus corrigiu essa missão para ‘deixar pessoas melhores’. Por isso, a Sicredi União está nas escolas com um programa social e tem tantas outras iniciativas. Transações financeiras se fazem pelo celular, mas transformar pessoas leva anos. Com esta homenagem, aumenta muito a minha responsabilidade. Ser referência no cooperativismo de crédito nos deixa muito felizes, afinal, entre as cinco maiores cooperativas de crédito do Brasil, fomos a que mais cresceu em 2018. Defendemos a simplicidade, coerência e relevância, e todos vocês fazem parte desta construção”.

Sobre o homenageado

  Wellington Ferreira é formado em Administração de Empresas, com MBA em Gestão Financeira. É conselheiro da Ocepar, Sicredi Participações, Banco Cooperativo Sicredi e Sicredi Fundos Garantidores, além de ter sido conselheiro de outras entidades cooperativas. É casado com Vanessa, pai de Nathan e Leandro e avô de Eduardo e Cauã.
  A cerimônia de entrega do prêmio teve patrocínio de BRDE, Certezza Consultoria Empresarial, Cocamar, Colégio São Francisco Xavier, Coopcana, Coopercard, Fomento Paraná, Maringá Park Shopping Center, Complexo Paraná Park, Plaenge, Saint Helena, Sancor Seguros, Sanepar-Governo do Paraná, Sicoob, Unicesumar, Unimed Maringá e Shopping Cidade.
  A escolha de Ferreira aconteceu depois de duas etapas. Na primeira fase, 26 entidades foram convidadas a indicar nomes de empresários e executivos. Depois, ele foi escolhido, por uma comissão formada por representantes de oito entidades, entre os nomes com maior número de indicações.
 Segundo o regulamento, para ser indicado, é preciso ser sócio ou diretor de empresa estabelecida em Maringá cujos negócios foram expandidos no último ano, e o indicado também deve ter participação ativa na vida comunitária.

Fonte: Cacinor